Junte-se a nós! | Links | Contatos
Português (Brasil)English (USA)
Principal Mamíferos Aquáticos Boto Vermelho
Boto Vermelho

ampa 161O Boto-Vermelho (Inia geoffrensis) é o maior dos golfinhos de água doce do mundo. Os machos podem atingir até 2,5 m de comprimento e pesar 180 kg. As fêmeas atingem mais de 2,10 m e 100 kg de peso. Os filhotes nascem cinza, e tornam-se rosados com a idade. Machos adultos são mais rosados do que as fêmeas devido ao maior porte e pela intensa abrasão na pele causada por brigas intraespecificas. As nadadeiras peitorais são grandes e largas, e a nadadeira dorsal é longa e baixa.

O boto-vermelho é encontrado em todos os tipos de rios (água preta, branca e clara), nas bacias dos rios Amazonas, Orinoco e Beni/Mamoré. Alimenta-se principalmente de peixes e são geralmente solitários.

A principal causa de mortalidade é a captura acidental nas redes de pesca. Mortes intencionais por pescadores acontecem eventualmente devido ao comportamento da espécie em retirar peixes das redes, causando estragos aos petrechos de pesca.

boto vermelhoOutra importante ameaça atualmente é a captura direta do boto-vermelho para uso como isca na pesca da piracatinga (Callophysus macropterus). Essa atividade ilegal tem reduzido drasticamente as populações de botos ao longo da calha do Solimões e Japurá. Informações dessa matança em outras áreas da Amazônia brasileira já foram registradas, mas ainda não quantificadas.

A destruição e alteração do ambiente pelo aumento das populações humanas, a contaminação dos rios por agro-tóxicos e o uso de mercúrio nos garimpos para extração do ouro, também ameaçam este golfinho.

Barragens e represas nos rios não somente reduzem a abundância e diversidade dos peixes que servem de alimento aos botos, como também isolam populações, ameaçando o fluxo genético da espécie.

Inia geoffrensis está classificada como "Dados Insuficientes" pela IUCN e esta incluída no apêndice I da CITES.

Vocalização
 
Banner
Banner
Banner
Menu principal